Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Ministro Crivella se reúne com representantes da Universidade de Santo Estevão, na Hungria

  • Publicado em Segunda, 04 de Março de 2013, 09h02
  • Última atualização em Segunda, 04 de Março de 2013, 09h02

O ministro da Pesca e Aquicultura, Marcelo Crivella acompanhado do Embaixador do Brasil na Hungria, Sergio Moreira Lima manteve encontros de trabalho nesta segunda-feira (04), com a Vice-Reitora de Programas Internacionais e com a Diretoria do Departamento de Aquicultura da Faculdade de Agricultura e Ciências Ambientais da Universidade de Santo Estevão, na cidade de Godollo, na Hungria. 

No encontro com a Vice-Reitora, professora Erika Micheli foi realizada uma apresentação sobre a estrutura da Universidade de Santo Estevão, com especial ênfase nas áreas relacionadas à aquicultura. A Universidade húngara ressaltou o desejo em ampliar o número de estudantes brasileiros recebidos no programa "Ciência sem Fronteiras", levando em conta, principalmente, o destaque que possui nas matérias relacionadas aos estudos dos peixes e da aquicultura aliado ao fato das aulas serem ministradas em inglês. 

O ministro Crivella destacou a importância do programa e a necessidade que o Brasil possui de formar estudantes em várias áreas, principalmente no que se refere ao estudo sobre peixes, pesca e aquicultura e que a Hungria, certamente, merecerá atenção. 

O diretor do Departamento de Aquicultura da Universidade de Santo Estevão,  professores e cientistas húngaros explicaram para o ministro a área de atuação do Departamento, sua estrutura e profissionais envolvidos, projetos existentes e futuros, além da parceria entre a academia e o setor privado para o desenvolvimento de ações de pesquisa. 

Durante o encontro foi mencionada a existência de intercâmbio entre cientistas e pesquisadores de Universidades brasileiras com a Universidade de Santo Estevão e relatada a experiência de um engenheiro do Departamento que vem desenvolvendo projetos de reprodução de peixes na região Sul do Brasil. 

No fim da reunião, Crivella ressaltou o interesse no desenvolvimento de ações de melhoria genética da carpa existente no Brasil, aproveitando-se da grande experiência húngara na criação da espécie. Os representantes da Universidade sinalizaram positivamente para avanços na cooperação bilateral nessa área.

registrado em:
Fim do conteúdo da página
porno izle popri porno instagram takipci kasma porno